Guimarães reforça regras de votação no Orçamento Participativo
A Câmara Municipal de Guimarães aprovou novas regras para registo e votação online no Orçamento Participativo (OP) do Município, depois de detetadas fraudes no processo. Além do número de identificação fiscal, é agora pedido o número de identidade ou cartão do cidadão, bem como um número de telemóvel, para o cidadão receber por SMS a password de acesso individual ao portal.

A primeira votação do OP de Guimarães para 2015, que terminou a 3 de outubro, acabou anulada por motivo de fraude. A segunda votação será novamente online, mas de acordo com as novas regras aprovadas. O registo dos participantes na votação é através do portal eletrónico da autarquia, de 03 a 20 de novembro. O período de votação é de 10 a 27 de novembro.

O registo obriga ainda à divulgação do nome completo, endereço, data de nascimento e um comprovativo da relação com o município (naturais, residentes, trabalhadores ou estudantes são potenciais eleitores). Além disso, serão também registados os IP dos computadores de onde são feitas as votações.


Siga a AMA no Facebook e no Twitter.