Turista em Segurança
No âmbito do projecto "Turista em segurança", foi criada uma Esquadra de Turismo da PSP, localizada em Lisboa, que é um departamento policial especializado no atendimento a turistas e a estrangeiros vítimas de crime.

Iniciativa: Turista em Segurança
Entidade: Esquadra de Turismo do Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública (PSP)
Entidades Parceiras: Embaixadas, Consulados, instituições de Apoio Social, instituições bancárias, forças e serviços de segurança congéneres, Associação de Turismo de Lisboa e Associação de Portuguesa de Apoio à Vítima.
Destinatários/Beneficiários: Turistas e demais cidadãos
Ponto de Situação: Em curso 
Categoria: Serviços ao Cidadão


Descrição breve
No âmbito da sua missão a Polícia de Segurança Pública para melhor servir o cidadão e em particular o turista, os agentes da Esquadra de Turismo da PSP falam cinco idiomas, nomeadamente Inglês, Francês, Espanhol, Alemão, Russo.
Esta Esquadra, que com todas as valências constitui o projecto "Turista em Segurança", tem uma rede de contactos directos com embaixadas, consulados, instituições de Apoio Social, instituições bancárias, polícias estrangeiras e com a Associação de Turismo de Lisboa, com a qual estabeleceu um protocolo para melhoria do atendimento ao turista.

Descrição pormenorizada
Nesse sentido, foi destacada uma unidade móvel que, em épocas do ano com maior fluxo de turistas, circula e se movimenta pelos locais de maior concentração de turistas, como, por exemplo, o Castelo de São Jorge, a Rua Augusta, o Padrão dos Descobrimentos, Mosteiro dos Jerónimos e Baixa Chiado, entre outros locais que pela análise científica da criminalidade ou pelos dados dos observatórios da ATL possam merecer uma particular atenção, sobretudo durante a realização de grandes eventos nacionais e internacionais.

A análise científica da criminalidade é feita pelo Comando Metropolitano de Lisboa, tendo como base o número de ocorrências a turistas, o local, a hora e o modus operandi da ocorrência.
Aos elementos da Esquadra de Turismo foi ministrada formação Schengen referente a falsificação de documentos.

Tecnologia
Com a unidade móvel é possível realizar um policiamento de visibilidade e de maior resposta aos cidadãos, através de acções de sensibilização localizadas, bem como fornecer informações diversas ou comunicar com todos os departamentos policiais, inclusivamente com a central da Polícia para reforço de quaisquer meios.
Os elementos desta Esquadra regularmente fazem a recepção às embarcações com um número considerável de turistas, na qual difundem conselhos de segurança e contactos rápidos à Esquadra. Para tais funções, foi criado um e-mail específico para contacto com os estrangeiros que necessitam de ajuda.
Na esquadra de turismo às vítimas de crime nas situações de perda de documentos e dinheiro é disponibilizado um computador com acesso à internet para contacto com as entidades bancárias e família através de e-mail.


Anexos

Protocolo de Cooperação entre a Associação Turismo de Lisboa e a Polícia de Segurança Pública (pdf, 20 KB)

Resultados

  • Aumento da qualidade profissional dos agentes do serviço;
  • Aumento da segurança nas zonas turísticas e, consequentemente, a disponibilização de uma boa oferta turística;
  • Contacto directo com embaixadas, consulados, instituições de Apoio Social, instituições bancárias, polícias estrangeiras e com a Associação de Turismo de Lisboa, que permitem resolver facilmente qualquer questão ou queixa colocada por um turista;
  • Encaminhamento do turista, quando este está despromovido do seu meio de subsistência, para uma instituição até a situação estar resolvida, o que se verifica nas 48 horas seguintes.
  • Contacto via e-mail com o cidadão quando de volta ao seu país, com vista à solicitação de uma pesquisa sobre a localização dos objectos furtados ou extraviados;
  • Maior policiamento de visibilidade graças à unidade móvel;
  • Registo e gestão de queixas in loco através das tecnologias instaladas na unidade móvel.
  • Distribuição de informações e conselhos de segurança aos turistas;
  • Cooperação com várias entidades nacionais e internacionais.

Próximas Acções
Brevemente o Comando Metropolitano de Lisboa em colaboração a APAV vai desenvolver ações de formação dirigidas para os elementos policiais que prestam serviço na Esquadra de Turismo, com o objectivo de complementar o atendimento às vítimas de violência doméstica estrangeiras que estejam de visita ou que residam em Lisboa.
 
Ponto de Contacto
Teresa Pinto
Subcomissário
Esquadra de Turismo – Palácio Foz, 1250-187 - Lisboa 
E-mail da Esquadra de Turismo – lsbetur@psp.pt
Telefone: 21 342 16 23
Fax: 21 342 16 42

 Última actualização: 20 de Fevereiro de 2012