Esclareça Online
O Município de Guimarães coloca ao dispor do Munícipe um serviço online, suportado num assistente virtual que tem como objetivo esclarecer o mesmo num ambiente totalmente eletrónico. Desta forma garantiu-se um maior imediatismo na resolução de dúvidas e passou a permitir-se uma maior facilidade de contacto entre o Munícipe e a Câmara.

Título
Esclareça Online

Entidade
Câmara Municipal de Guimarães

Destinatários/Beneficiários potenciais
Munícipes e cidadãos que procuram informações específicas sobre o concelho de Guimarães.

Ponto de Situação
Projeto implementado

Custos envolvidos
Solução desenvolvida internamente recorrendo a soluções de software aberto.

Descrição breve
O Município de Guimarães coloca ao dispor do Munícipe um serviço online, suportado num assistente virtual que tem como objetivo esclarecer o mesmo num ambiente totalmente eletrónico. Desta forma garantiu-se um maior imediatismo na resolução de dúvidas e passou a permitir-se uma maior facilidade de contacto entre o Munícipe e a Câmara.

Descrição pormenorizada
Fomentar canais de diálogo e de comunicação entre os Vimaranenses, os fornecedores do Município e o Executivo Municipal constitui, um objetivo permanente numa sociedade cada vez mais ligada às tecnologias de informação.

Através das funcionalidades de balcão online que o Município passou a oferecer fez-se uma aposta muito ativa em serviços pioneiros, os quais vieram retirar parte do esforço inerente ao atendimento físico processado pelo balcão único da Câmara. Desta forma o munícipe passou a poder fazer um conjunto de ações sem se deslocar e obtendo no imediato alguns documentos essenciais para a sua atividade.

Tecnologia
Plataforma web, alojada em servidores próprios.

Recomendações
Necessidade de garantir formação e os recursos humanos necessários à prestação deste serviço

Ponto de Contacto
Bruno Oliveira
bruno.oliveira@cm-guimaraes.pt
Tlmv: 964891846

Site
http://v3.cm-guimaraes.pt/livezilla/livezilla.php

Resultados
No âmbito do balcão virtual destaca-se o cariz inovador com que se passou a permitir ao munícipe a realização de ações que anteriormente eram exclusivas de um balcão físico ou de um posto de informação.

Última atualização: 16-10-15